Autor: Rodrigo Nascimento

0

Qual é o preço da liberdade?

O conservadorismo advém de um sentimento que toda pessoa madura compartilha com facilidade: a consciência de que as coisas admiráveis são facilmente destruídas, mas não são facilmente criadas. Isso é verdade, sobretudo, em relação às boas coisas que nos chegam...

2

O que é ser homem, afinal?

Ao longo desses anos de apostolado, produzimos algumas reflexões acerca da crise da masculinidade na sociedade de hoje, sobretudo sob a perspectiva cristã, chamando atenção para a necessidade de os homens assumirem sua vocação fundamental para, assim, defenderem o que...

0

O combate da oração

[A oração] Supõe sempre um esforço. Os grandes orantes da Antiga Aliança antes de Cristo, como também a Mãe de Deus e os santos com Ele, nos ensinam: a oração é um combate” (CIC, 2725). A debilidade gerada pelo caráter...

0

São José, modelo de virilidade

Depois de Jesus e de Maria, amai São José” (São João Bosco). O primeiro homem a ser criado, Adão, teve sua dignidade masculina ferida, visto que, estando ao lado de Eva, permitiu que sua mulher cedesse aos enlaces da serpente...

0

Grandes batalhas forjam grandes homens

Se caio a cada instante, na fé confiante farei com que Ele me levante” (Santa Elizabete da Trindade) Para aqueles que lutam arduamente para se manterem longe do pecado, cada situação de queda traz à tona a impotência e frustração....

0

Paternidade: a vocação de todo homem

Assim se revela também até ao fundo o mistério da masculinidade do homem, isto é, o significado gerador e paterno do seu corpo” (São João Paulo II) Diversos estudos revelam que a influência do pai é fundamental para o desenvolvimento...

0

Sacerdote, profeta e rei: a vocação do homem leigo

Ao longo do mês de agosto a Igreja no Brasil propõe a todos os fiéis uma reflexão sobre a vocação. O Apostolado Bravus trouxe, a cada semana, um artigo no intuito de provocar um aprofundamento nesse tempo especial, principalmente colocando...

0

Fracassos e recomeços, a via do Amor

“São santos os que lutam até o fim da vida: os que sempre sabem levantar-se depois de cada tropeço, de cada queda, para prosseguir valentemente o caminho com humildade, com amor, com esperança.” (São Josémaria Escrivá) Os fracassos assombram nossa...